Grande São Paulo

(11) 5572-2611

Grande ABC

(11) 4438-6424

Demais localidades (de fixo)

0300 777 2611

Sede/Matriz

(11) 5572-2611

Grande ABC

(11) 4438-6424

Grande SP

(11) 5549-0798

Gratidão no emagrecimento

Comportamento
Gratidão no emagrecimento

Por Helimar Angelelli, psicanalista e orientadora Meta Real

Ser grato nem sempre é fácil. Ainda mais quando se trata de uma vivência tão sofrida como o excesso de peso que tantos desconfortos provoca.

Emagrecer se torna difícil quando se focaliza no sofrimento que a privação ou que a mudança de hábitos alimentares tão enraizados traz.

A gratidão dá um sentido novo às experiências que vivemos no passado e abre portas para uma nova visão de si mesmo e do próprio corpo.

Não faz sentido condenar ou lamentar uma lição de vida que a obesidade pode proporcionar.

Aprender a dar graças pelo corpo que se tem trará uma boa razão para cuidar bem dele, escolhendo alimentos melhores, e também porque segundo o Dr. Martin Portner, médico neurologista, mestre em Neurociência pela Universidade de Oxford em seu artigo O Poder da Gratidão escreve: “A gratidão ativa a liberação da dopamina, um dos neurotransmissores envolvidos no sentimento de recompensa, que nos deixa bem por várias horas. Precisamos decidir agir internamente para sermos gratos.”

Por quê não associarmos estas sensações ao processo de emagrecimento, gerando uma nova relação com este corpo que anseia por sentir-se se bem?

Gratidão pelo paladar que se apura, pelo quilo emagrecido, pelo bem estar de uma digestão leve, pelo espelho que reflete um olhar mais alegre, pelas roupas e sapatos mais largos e até por aquela barriguinha que diminui.

Que tal pensar neste corpo como um parceiro nesta jornada pela vida e que como uma semente  abriga todas as nossas potencialidades,esperando para brotar.

Pratique cada dia fazer pelo menos um agradecimento verdadeiro ao seu corpo.

A vivência da gratidão desenvolverá uma sensação totalmente nova para tornar o emagrecimento  muito mais agradável e harmonioso. Experimente!

Gratidão a Déborah Dubner  com sua #umagradecimentopordia que me inspirou escrever este artigo.

Sobre o autor

Helimar Angelelli 

Paixão por ensinar, formação para professores primários, formação em Pedagogia, Estudos Sociais, Practitioner em PNL (programação neurolinguística), formação em Psicanálise Transpessoal, Metafísica da Saúde e Cromoterapia.
Rotina com atendimento de Psicanálise em consultório e ensina pessoas a comer corretamente e emagrecer nos grupos da Meta Real de Mauá e Ribeirão Pires.
Deixe o seu comentário

Comentários
  • Re

    Olá! seus artigos são bem informativos, estou sempre acompanhando. Parabéns

  • Lourdes

    Gratidão por tudo o que você vem fazendo por mim nas terapias!

  • Malu Nakata

    Gratidão e muito importante na nossa vida.
    Gratidão por ter escrito esse artigo.
    Gratidão meta real.

Publicações Relacionadas

Meta Real na mídia

Revista Plástica e Beleza
edição 58 /2016

Ver edição

 

 

banner-livro

 

 

Como Funciona?

Venha ser aluno da Meta Real: o Método Tático de Reabilitação Alimentar que vai acompanhar você passo a passo na sua jornada.

Conheça Agora
  • Mariza Zenzano de Melo

    Meta Real Mariza Zenzano de Melo

    “O que mais me chamou a atenção no Método era ter a possibilidade de trabalhar minha cabeça e não ter mais dependência emocional... Ficava na maior ansiedade para assistir a próxima aula!”

  • Ronei Cumer

    Meta Real Ronei Cumer

    “Com o tempo encontrei o equilíbrio que precisava, aprendi a comer, fazer escolhas, ser saudável sem depender de qualquer química maluca, chás ou shakes.”

  • Joselaine Cristina Merighe

    Meta Real Joselaine Cristina Merighe

    “A verdadeira mudança não está somente em nossas mãos mas principalmente em nossa MENTE! ”

  • Júlia Paula Motta de Souza

    Meta Real Júlia Paula Motta de Souza

    “ Aos poucos fui reaprendendo a dar ao corpo o que é do corpo e à emoção o que é da emoção. ”

  • Elaine Casanti

    Meta Real Elaine Casanti

    “ Meta Real foi um divisor de águas em minha vida, agrego o que aprendi em muitas coisas que vivo, principalmente a tal da RESILIÊNCIA !”