Grande São Paulo

(11) 5572-2611

Grande ABC

(11) 4438-6424

Demais localidades (de fixo)

0300 777 2611

Sede/Matriz

(11) 5572-2611

Grande ABC

(11) 4438-6424

Grande SP

(11) 5549-0798

A pressa é inimiga da perfeição

Comportamento
A pressa é inimiga da perfeição

Por Nadia Junqueira, orientadora da Meta Real

Era o que dizia a minha avó e este ditado nunca foi tão atual. Vivemos num mundo imediatista: as novas gerações não sabem, e a minha geração (anos 70) desaprendeu a esperar. Essa pressa em querer tudo para ontem é decorrente, talvez, da tecnologia: Facebook, WhatsApp, Internet até das Coisas. Temos acesso rápido a informações em questão de segundos. Esta instantaneidade estendeu-se em todos os departamentos de nossas vidas: pessoal, profissional e alimentar: casamentos de curta duração, negócios fechados sem as partes se conhecerem, comidas rápidas ou semi prontas. Queremos tudo para ontem e para o agora o que acaba causando uma onda de ansiedade nas pessoas. Este imediatismo só nos faz pensar no presente, pois o futuro não nos interessa.

E é exatamente esta pressa que atrapalha as pessoas que buscam o emagrecimento; ninguém engorda da noite para o dia, mas quando se procura por uma solução para o problema tem que ser rápido e eficaz. Ninguém espera o corpo manifestar sinais de fome, ninguém quer perder tempo dedicando-se algumas horas para sua nutrição nem saboreando um alimento; quanto mais processado mais fácil é para se engolir, pois temos pressa e não temos tempo. Se não se consegue um quilo a menos na balança em uma semana, já se parte para outro método que seja mais rápido.

Quem realmente quiser ter um emagrecimento definitivo precisa aprender a esperar. Vivenciar cada dia, levantar a cada escorregada e recomeçar. Aprender e se permitir conhecer-se melhor. Não desistir de si mesmo diante do primeiro fracasso. Os insucessos do passado servem como aprendizado para se conseguir o sucesso de hoje e o sucesso de hoje constrói um amanhã com a certeza de que tudo foi muito bem vivenciado, aprendido e esperado.

Texto publicado originalmente no blog Reabilitação Alimentar.

Compartilhe:  
Sobre o autor

Nadia Junqueira

Nadia Junqueira, graduada em Secretariado Executivo Bilingue. Atuou na área por mais de 20 anos até casar-se e engravidar. Depois de 3 anos como mãe resolveu tornar-se microempresária no ramo alimentício, no qual permaneceu por dois anos. Em 2010 emagreceu 19 quilos e desde 2011 atua como orientadora na Região do ABC Paulista.
Deixe o seu comentário

Comentários
  • Elaine Tinte Patricio

    Nadia, um exemplo de pessoa dedicada, desde de o primeiro momento que a conheci apenas uma palavra que me disse me fez entender que eu engolia uma insatisfação interna, e agora só faltam 700 gramas p chegar no meu Objetivo!!! Só tenho agradecer

  • Cida Simoni

    Obrigada, adorei a mensagem. …

Publicações Relacionadas

 

 

banner-livro

 

 

Meta Real na mídia

Revista Plástica e Beleza
edição 58 /2016

Ver edição
Como Funciona?

Venha ser aluno da Meta Real: o Método Tático de Reabilitação Alimentar que vai acompanhar você passo a passo na sua jornada.

Conheça Agora
  • Nadia Junqueira

    Meta Real Nadia Junqueira

    “ Fiquei tão grata e tão feliz com minha nova vida que pensei em dividir com tantas outras pessoas que passam pelas mesmas situações e etapas que eu passei.”

  • Mariza Zenzano de Melo

    Meta Real Mariza Zenzano de Melo

    “O que mais me chamou a atenção no Método era ter a possibilidade de trabalhar minha cabeça e não ter mais dependência emocional... Ficava na maior ansiedade para assistir a próxima aula!”

  • Marcia Pinheiro

    Meta Real Marcia Pinheiro

    “Semana após semana fui me policiando e levando o método a sério com obstáculos e vontades sim, mas colocando em primeiro lugar eu mesma.”

  • Júlia Paula Motta de Souza

    Meta Real Júlia Paula Motta de Souza

    “ Aos poucos fui reaprendendo a dar ao corpo o que é do corpo e à emoção o que é da emoção. ”

  • Franciane Couto

    Meta Real Franciane Couto

    “Emagrecer, pra mim, mudou meu exterior, meu corpo, mas mais que isso, me fez uma pessoa melhor, não para os outros, mas para mim mesma!”