Grande São Paulo

(11) 5572-2611

Grande ABC

(11) 4438-6424

Demais localidades (de fixo)

0300 777 2611

Grande SP

(11) 5572-2611

Grande ABC

(11) 4438-6424

Demais Localidades (de fixo)

0300 777 2611

Marcella Canto


41 anos, Santo André/SP
-31kg

Peso antes: 94kg

Peso depois: 63kg

"Quero ser LEVE! Além de magra, quero deixar bem longe de mim todos os sentimentos que não me faziam bem."


Nasci magra e fui uma criança e uma adolescente magra e atleta. Aos 17 anos, engordei 22 kgs num intercâmbio de 11 meses nos Estados Unidos e quando voltei de viagem, em vez de retomar meus hábitos antigos, não!

Adotei novos hábitos de gorda e todas as desculpas que sempre ouvimos: “não tenho tempo”, “estou bem assim”, “as pessoas têm que gostar de mim pelo que sou e não pela minha aparência”

entre várias outras. A verdade é que nos escondemos em histórias e em companhias do mesmo tamanho ou maiores que nós, para não ficar tão dura aquela encarada no espelho! Aliás, que espelho?
E foi assim por mais de 20 anos. Mas o discurso de ser feliz é bem diferente da realidade.

E NUNCA fui feliz gorda.

Não gostava de jeito nenhum da imagem no espelho. Não gostava das roupas que me escolhiam, e nem da vida que levava! Existia uma atleta dentro de mim! E viver naquela inércia que o peso me obrigava, me deixava cada dia mais infeliz.
Então iniciei 2014 planejando emagrecer 20kg, pois me sentia a pessoa mais feia do universo, e como comecei a trabalhar numa empresa que vende beleza, precisava me sentir bela!
Quando chegou dezembro de 2014, dos 20kg que queria emagrecer, faltavam 24kg. Mas diferentemente dos anos anteriores, havia iniciado um processo de resgate da minha autoestima nos treinamentos que frequentava da empresa e decidi que 2015 seria diferente, sim!
Assim comecei janeiro cortando as coisas básicas que sabemos que “emagrecem” como refrigerantes, frituras e doces, e consegui emagrecer 7 kgs até abril. Minhas amigas do vôlei me incentivaram muito dizendo que estava emagrecendo, embora eu mesma não percebia, pois as roupas de gorda (legging, blusões, etc) não me permitiam. E foi justamente uma amiga do vôlei (Dulce) que me levou para a Meta Real, com o argumento de que a orientadora dela lanchava a noite (eu não gosto de cozinhar e por isso sempre consumia as fast foods por serem mais acessíveis e disponíveis!)
E assim eu conheci a Meta Real! E comecei a ir mais fundo naquele meu resgate da autoestima.

Assistia a todas as palestras e me empenhava para entender por que descontava minhas frustrações na comida. Segui o método como tinha que ser: comia só na Fome Física, mastigava bastante, obedecia a saciedade e tomava muita água.

Com o tempo fui reaprendendo a conhecer o meu corpo e dar a ele somente o que ele precisava. E o emagrecimento foi acontecendo. A cada semana.
Agradeço do fundo do meu coração à Debora Vival e ao Método Meta Real! Eles mudaram a minha vida!

Passei a fazer melhores ESCOLHAS em todos os aspectos: alimentar, profissional, pessoal, etc.

O que de melhor aconteceu? Primeiro, consegui mudar os ensinamentos que dava para o meu filho sobre alimentação e postura perante a vida. Sim! Eu estava ensinando-o a ser obeso. E graças ao método, consegui reverter a situação e ensiná-lo a seguir os sinais do corpo dele. E segundo, aumentou muito a minha disposição. No dia que consegui jogar 5 sets seguidos de vôlei como se nada tivesse acontecido (antes mal jogava 2 sets sem me sentir cansada) vi que todo o processo valeu a pena!
E pro futuro? Quero ser LEVE! Além de magra, quero deixar bem longe de mim todos os sentimentos que não me faziam bem. Obrigada, Meta Real!

Compartilhe:
Deixe o seu comentário

Comentários
  • RENATA ALVES

    MARAVILHOSA ESSA HISTORIA, DE DETERMINAÇÃO E AUTO CONTROLE,.
    PARABENS E MUITO SUCESSO.

  • Adriana

    Como é bom conhecer historias assim …estou no meta e espero atingir meu objetivo….parabens pelo esforço me sinto motivada, e as palestras me ajudam muito tambem

Conheça outras histórias
Calculadora IMC

  • Patricia de Abreu Piccolo Rahman

    Meta Real Patricia de Abreu Piccolo Rahman

    “Quando cheguei no meu peso senti uma vontade imensa de sair correndo, saltando e gritando! Hoje posso dizer que minha saúde melhorou, muito.”

  • Márcia Acunzo

    Meta Real Márcia Acunzo

    “Tive muitos problemas de saúde : fraqueza , mal-estar , depressão ...quadros de desânimo porque eu atribuia ao remédio o poder de tirar o apetite ...”

  • Franciane Couto

    Meta Real Franciane Couto

    “Emagrecer, pra mim, mudou meu exterior, meu corpo, mas mais que isso, me fez uma pessoa melhor, não para os outros, mas para mim mesma!”

  • Míriam Aparecida Campanhã Pozatto

    Meta Real Míriam Aparecida Campanhã Pozatto

    “fui tão bem acolhida por todos, que acabei ficando à vontade. Aquela reunião mudou minha vida, foi ela que me deu forças para iniciar”

  • Júlia Paula Motta de Souza

    Meta Real Júlia Paula Motta de Souza

    “ Aos poucos fui reaprendendo a dar ao corpo o que é do corpo e à emoção o que é da emoção. ”

Reflita:


“ Você vai até onde consegue ver e, quando chegar lá, sempre será capaz de ver mais adiante.”

Encontre um local mais próximo de você